Nome
E-mail
Home | Notícias
Digressão a Mação foi sempre em Festa

Depois de uma boa corrida de Toiros em Vila Franca o fim-de-semana ainda estava a meio e a festa ainda nem tinha começado. Sábado dia 2 de Julho o destino era Mação, a norte de Abrantes estava anunciado mais um cartel com o nosso Grupo. Juntamente com os Montemorenses estavam anunciados os cavaleiros Rui Salvador, Gilberto Filipe e Duarte Pinto, o Grupo de Santarém e um curro Lopes da Costa linha da antiga ganadaria Barbeiros.

A rondarem o peso de 450 kg os toiros saíram com presença e a proporcionarem boas lides, também para as pegas foram cumpridores fazendo das actuações dos dois grupos uma boa tarde de pegas. Pelo Grupo de Montemor fardou-se pela primeira vez Francisco Zenkl, abriu praça o forcado João Tavares que com uma grande pega à primeira tentativa, demonstrou que os novos forcados estão cheios de vontade de vingar. Citou com postura, mandou no toiro e fechou-se com alma dando continuidade a um fim-de-semana de pegas em cheio.

O nosso segundo toiro foi pegado também à primeira tentativa, pelo forcado Filipe Mendes, que na sua primeira pega da época não demonstrou falta de rodagem e com uma boa técnica e bem ajudado pelo forcado João Pedro realizou uma sorte vistosa.

Para o último estava guardada uma surpresa, um dos motivos de festa no fim-de-semana era a despedida de solteiro do forcado Henrique Pietra Torres que apesar de normalmente ser ajuda, desta vez enfrentou um toiro de caras. Brindou ao seu tio Pedro Graciosa e depois de duas tentativas duras, encerrou uma pega cheia de emoção, em que o forcado demonstrou muita vontade numa sorte em que está menos rodado.

Decidimos continuar a noite em Vila Franca nas famosas festas do Colete Encarnado e de caminho parámos para jantar em Santarém. Do restaurante a grelha contemplámos a estátua ao Forcado na rotunda António Abreu e antes de seguirmos viagem até a Garraiada da Sardinha Assada decidimos pegar mais um toiro. Este com algumas toneladas não impediu mais um êxito do nosso Grupo e depois de um espectáculo digno, rebaptizámos a famosa Rotunda com o nome do nosso fundador Simão Malta.

Já em Vila Franca, terra onde tínhamos começado o fim-de-semana a noite continuou pela madrugada a dentro e não contentes com as poucas pegas realizadas ainda nos fizemos ao toiro dos curiosos. Não queiram saber o resultado final!

Para a semana à mais.

Conheçam a reportagem fotográfica na página da Galeria.

02.07.2005

Rodrigo Corrêa de Sá

Voltar
com o apoio de