Nome
E-mail
Home | Notícias





Corrida em Montemor - 73º aniversário! (Já com videos)

Sem estar à espera, até porque estava curioso em relação ao que iria ler, fui eu o convidado para escrever a crónica da nossa corrida de Montemor, porque “fica giro seres tu a tentar explicar o que sentiste”, disse-me o Zé Maria. Vou tentar, mas se não é fácil explicar por palavras o que se sente quando se pega um touro, muito mais difícil fica quando se tenta explicar o sentimento que se tem em relação a deixar de pegar touros…

Tudo tem o seu tempo, e o mesmo acontece nos forcados. Por vários motivos, achei que tinha chegado o meu, e disse-o ao Zé Maria no início da época. Sinto-me bem a pegar e adoro poder fazê-lo no melhor Grupo, mas defendo que um forcado deve sair enquanto se sente bem e capaz, e não quando já não pode ver touros à frente ou não tem condições para pegar. Assim, as memórias que levo, serão, sem dúvida, muito melhores. Dei ao Grupo de Montemor o que fui capaz, e tenho a certeza que recebi muito, muito mais!

Muitos conseguem imaginar o que estou a sentir neste momento, por já terem passado pelo mesmo, outros talvez não... a quem vai continuar a pegar, digo-vos: enquanto andarem no Grupo, aproveitem cada pega, cada volta, e mesmo cada fracasso, porque são momentos e sentimentos que não voltam nunca mais, e que um vídeo ou uma fotografia não vão ser capazes de trazer de volta…

A minha história em Montemor começou em 2002 e, até hoje, muitos foram os momentos e as pessoas que me marcaram. Vou tentar destacá-los, brevemente, por achar que o merecem:

·        Guiga – A forma como fui recebido pelo Guiga fez-me desde logo sentir parte da família. A sua capacidade para gerir o grupo, e as pessoas que dele faziam parte, foi única, um exemplo a seguir. Não sei se a intenção dos seus discursos era só motivar-nos para as corridas, a verdade é que foram palavras e conselhos que me irão acompanhar a vida toda.E ainda por cima ouvi dizer que foi bom 1ª ajuda…
·        Cortes – cresci no Grupo de Montemor com o Zé Maria sempre ao meu lado, e que gozo me dá ver o forcado em que se tornou. A forma como está em praça é única: sempre guardou para si os touros que pareciam mais sérios, aparenta uma calma fora do comum a citar, e é um artista do início ao fim da pega (quem sai aos seus…); tudo isto acrescido da responsabilidade inerente a um cabo. Mas o que mais me marcou foi a forma como sempre acreditou em mim, mesmo quando eu próprio tinha dúvidas; não tenhas dúvidas que é por isso que ainda cá estou!
·        Exemplos – são muitos, de várias gerações e de vários grupos, mas quero destacar todos com quem peguei, foram esses os que mais me marcaram.
·        Momentos: todas as corridas da Feira da Luz em Montemor; as 3 corridas de 6 touros no Campo Pequeno (mas sem dúvida que a 1ª é única); as lesões que nos fortaleceram (Simão e Xaninha); o brinde à minha avó nas Caldas; a pega e o brinde à minha mãe, irmãos, Guiga, Cortes e Grupo, em Montemor; os treinos; as digressões; as noitadas… Tudo!
·        E, como não podia deixar de ser, tenho que agradecer à minha família: ao meu tio Paulo e Bernardo por me terem “puxado” para este meio; ao meu pai, irmãos e cunhada pelo apoio e orgulho que sempre mostraram em cada pega que fazia; aos primos e tios pelas tantas vezes que me foram apoiar; à Delmira por deixar a farda sempre pronta e impecável; e mais importante que tudo, à minha mãe e avó, que sempre me apoiaram, principalmente nos momentos em que estava mais em baixo, e durantes as lesões. Obrigado a todos!

Chegou, então, o dia 2 de Setembro de 2012. Feira da Luz em Montemor, 7 Pégoras para o Grupo de Montemor, Luís Rouxinol, João Moura Caetano, Bastinhas Jr. e Manel Vacas de Carvalho.

Peco – o Peco é o forcado mais eficaz que alguma vez conheci, transmite segurança em qualquer touro. Este era dos sérios, e por isso mesmo foi ele o escolhido. Nem vale a pena comentar a pega, o Peco foi dobrado, não merecia, mas não belisca minimamente tudo o que já fez. É um descanso pegar ao teu lado… Põe-te bom depressa!

Romão, Chinês – o Romão, voluntarioso, cheio de vontade e garra (como sempre!) arrancou para a dobra, fez tudo bem feito e concretizou uma pega de muito valor. És um forcado que dá garantias de pegar qualquer touro! O nosso Chinês teve uma merecida oportunidade: depois de brindar ao nosso antigo cabo António José Zuzarte, realizou à 2ª uma pega dura, a um touro que veio a derrotar, após uma 1ª tentativa em que a reunião resultou complicada. Com mais touros tudo vai ao sítio e, como o Guiga dizia, foi bom que assim treinaste duas vezes.

Xico Borges, Manel Ramalho e Tó Bocha – em ano de confirmação, não há dúvidas que estão a agarrar as oportunidades! Tudo bem feito, desde que saltam para a arena até ao fim da volta. O Xico à 2ª numa pega muito dura (brindada ao Ap. da Moita), o Manel à 1ª no dia em que mais gostei de o ver em praça (talvez inspirado pelo brinde ao pai), e o Tó Bocha à 1ª na pega da tarde (brindada à tia Luisinha Veiga). Estão na linha da frente, isso é um descanso para o Zé Maria, e uma das razões pelas quais farei sempre os possíveis para acompanhar o Grupo nas próximas épocas: ver-vos pegar!

Câmara, Iko, Megre – vocês são o futuro do grupo, e se continuarem como até aqui, não tenho dúvidas que em breve estão a encostar os mais velhos. Três pegas à 1ª, o Iko e o Megre na novilhada, e o Câmara, com brinde ao nosso Dr. Xana Reis, no touro toureado (e bem!) pelo Manel V.C., todas à Grupo de Montemor!

Dentinho, JP, Mim – o descanso de qualquer forcado da cara: o Dentinho e o JP (que foi chamado à volta no touro do Chinês) têm mantido uma regularidade fora do normal nas últimas épocas, com muitas primeiras e a touros duros, sempre ao mais alto nível – são dois dos pilares do Grupo; e o Mim tem sido a revelação dos primeiras, com uma época de encher a vista, tanto que teve a merecida recompensa ao dar duas primeiras nesta corrida.

Xico Reis, Manel Dentinho, Pedro Borges, João Bibe, Laranjinha – foram também dos pilares desta corrida, pelo modo como fecharam as pegas, em bloco, a touros que vieram sempre a empurrar.

Comenda, Sacaio e Tiago – ainda hoje arrepia ver o Comenda a rabejar, parece que os anos não passam por ele… O Sacaio, com o passar dos anos, tem ganho um à vontade e eficácia cada vez maiores, que lhe permitem rabejar qualquer touro. E o Tiago, que actuou como rabejador, esteve também na calha para pegar, se houvesse mais um touro era de certeza para ele, o que só mostra a sua polivalência e a importância que já ganhou no grupo.

Cortes, Fred, Mendes, Quinzé e Braga – Recuperem rápido, fazem muita falta fardados ao nosso lado. Depois de tantos anos lado a lado, gostava de vos ter visto pegar nesta corrida, mereciam e sei que o queriam mais que ninguém! Mas também sei que ainda o vou ver muitas vezes.

E foi assim que festejámos os 73 anos do Grupo de Montemor! Muitos já saíram, outros ficam e outros virão; a verdade é que o Grupo não pára, vai-se mantendo ao mais alto nível de ano para ano, e tenho a certeza que isso se deve à comunhão que é vivida entre antigos, actuais, futuros forcados, famílias e amigos – e que ambiente que se vive na praça nesta Feira da Luz em Montemor!

João Cabral
5 de Setembro de 2012

Nota: se ainda me virem fardado e a pegar algum touro este ano (e espero que sim!), não é um regresso, mas sim um compromisso: comprometi-me com Montemor, e com o Zé Maria, a fazer a época de 2012, e como a época não acaba com a corrida de Montemor, estou ainda disponível para o que for preciso até à última corrida do ano.

Veja ainda os videos das pegas em:

João Romão Tavares a dobrar o "Peco": http://www.youtube.com/watch?v=hX7S6qGoBUI&list=UUfgiaJseFyf15tSsbGNjY1A&index=9&feature=plcp 

Francisco Borges: http://www.youtube.com/watch?v=3-Iqy9-xzUI&list=UUfgiaJseFyf15tSsbGNjY1A&index=8&feature=plcp

João Cabral: http://www.youtube.com/watch?v=FAqgzrBa7Cg&list=UUfgiaJseFyf15tSsbGNjY1A&index=7&feature=plcp

João da Camara: http://www.youtube.com/watch?v=lvqb508ILAE&list=UUfgiaJseFyf15tSsbGNjY1A&index=6&feature=plcp

Manuel Ramalho: http://www.youtube.com/watch?v=i36bu8Zn2U4&list=UUfgiaJseFyf15tSsbGNjY1A&index=5&feature=plcp

Noel Cardoso: http://www.youtube.com/watch?v=YFBOXbi2Nko&list=UUfgiaJseFyf15tSsbGNjY1A&index=4&feature=plcp

António Vacas de Carvalho: http://www.youtube.com/watch?v=KRLGYSHt1kw&list=UUfgiaJseFyf15tSsbGNjY1A&index=1&feature=plcp

Novilhada:

Francisco Barreto: http://www.youtube.com/watch?v=gSYhazYMTDo&list=UUfgiaJseFyf15tSsbGNjY1A&index=3&feature=plcp

João Megre: http://www.youtube.com/watch?v=nWYM4dgQ38M&list=UUfgiaJseFyf15tSsbGNjY1A&index=2&feature=plcp

Voltar
com o apoio de