Nome
E-mail
Home | Notícias
Corrida de Toiros em Elvas

Dia 25 de Setembro foi dia de mais uma corrida do Grupo. Desta vez em Elvas na Feira de S. Mateus.
 
Era a corrida dos Mouras (João, João filho, Miguel e João Augusto), dividiamos o cartel com o Grupo de Tomar e os toiros eram de Conde Cabral.
 
Foi com muito prazer que eu e o Frederico recebemos todo o Grupo lá no Monte para nos fardarmos e também para jantar. Aproveito agora para agradecer á minha mae e à nossa tia todo o trabalho que tiveram com o jantar e a paciência que tiveram para aturar uns maricas que não quiseram ir á feira e preferiram ficar no Monte...vá-se lá saber porquê??
 
A rapaziada foi chegando ao fim da tarde, mas não vieram todos de fora, pois havia alguns profissionais que já cá estavam há alguns dias a estagiar para esta corrida (estágio feito no recinto da feira á noite e em Vila Boim com o Ganberro durante o dia).
 
Quem abriu a corrida foi o amador Miguel Moura. Sendo assim começamos por pegar o novilho, e para este foi o forcado Francisco Borges. O Chico teve calmo e bem a citar como ele sabe estar. Mandou, carregou e templou, para reunir na perfeição e fazer com facilidade a 1ª pega da noite. "Sem espinhas".
 
Para o 2º toiro foi escolhido o Frederico, que vinha duma pega menos conseguida em Abiul. Forcado de Elvas, vinha com vontade de pegar na sua terra. Aproveitou bem essa oportunidade e depois de brindar ao tio João foi decidido para o toiro. Citou calmo e a mandar no toiro, carregou com decisão já nos terrenos do toiro, pois este também era um pouco tardo na investida, recuando e reunindo bem para se fechar com facilidade. Parabéns Fred, tiveste bem, e merecias pegar em Elvas.
 
Para o ultimo da noite foi o forcado Tiago Teles de Carvalho. Forcado novo no grupo que não quer desaproveitar oportunidades, e começou a citar com galhardia. O toiro era um bocado chato de se estar a frente, mas ele não se deixou intimidar e mandou no toiro, carregou e este arrancou bruto e com pata fugindo ao grupo. Á 2ª e já com os ajudas mais atentos e em cima, fez as coisas como deve ser, reunindo bem e fechando-se para não sair.
 
A festa continuou com um jantar cá no Paço e depois rumámos á feira para rirmos e dançar até de manhã, enquanto meia duzia de forcaditos ficaram a fazer tricôt com a tia Mafalda!!
 
Grande Abraço
 
João Caldeira

Voltar
com o apoio de