Nome
E-mail
Home | Notícias
Mourão abriu a temporada 2007

Como manda a tradição, foi em Mourão que se inaugurou a temporada tauromáquica, com um festival em honra de Nossa Senhora das Candeias, onde este ano foi também prestada uma homenagem ao antigo elemento do Grupo de Forcados de Montemor Manuel Augusto Ramalho, conhecido por todos, por Mano Augusto.

No cartel, juntamente com o Grupo de Montemor constavam os cavaleiros, Joaquim Bastinhas, Marcos Tenório e João Moura Caetano, tendo este sido substituído pelo seu pai Paulo Caetano devido a lesão. Para as lides a pé estavam anunciados os novilheiros António João Ferreira, António Lopes (El Moronta) em substituição do matador de toiros Juan José Padilla e o matador Javier Sólis. Quanto aos toiros, pertenciam à ganadaria de Dias Coutinho todos com 5 anos de idade e a rondarem os 400 kg, tendo todos eles colaborado de uma forma geral, com maior seriedade o primeiro da tarde.

Para a primeira pega da temporada foi escolhido o forcado João Tavares, brindou ao “Céu” e citou de largo, mostrou-se ao toiro que saiu de imediato, fechou-se bem à córnea e sem dificuldades os ajudas finalizaram uma bonita pega a este primeiro da tarde, bem rematada pelo rabejador João José Comenda.

Para o segundo toiro perfilou-se o elemento Manuel Maria Ramalho, em dia de homenagem a seu pai, ele mais do que ninguém queria ter a oportunidade de mostrar o seu valor. Brindou à sua mãe e à memória de seu pai, citou de largo com presença mas, não mandou na investida solta do toiro, não tendo conseguido uma boa reunião que o obrigaria a tentar de novo. Depois de uma segunda tentativa em cometeu o mesmo erro voltou de novo a citar, carregou com vontade e com uma boa reunião à barbela, entrou pelo grupo dos ajudas que com coesão remataram mais uma pega.

Para a última pega da tarde foi escolhido o forcado Luís Vacas, elemento que se fardava pela primeira vez no Grupo de Montemor. Brindou ao público e com saber citou de largo, mandou na investida do oponente e com uma reunião correcta à barbela, aguentou a viajem até aos ajudas que com uma boa primeira de António Dentinho fecharam a primeira corrida da época.

A primeira corrida da temporada fica marcada pela bonita homenagem ao antigo elemento Mano Augusto. Festa que juntou a grande família do grupo de Montemor, actuais, mas principalmente antigos elementos que se deslocaram a Mourão para homenagear o eterno amigo, juntamente com os amigos e os conterrâneos viveram-se momentos marcados pela emoção que culminaram num jantar cheio de ambiente no conhecido restaurante “Adega Velha”, que como não podia deixar de ser, durou até às tantas.

Rodrigo Corrêa de Sá
3 de fevereiro de 2007

Fotografias: Francisco Romeiras

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Voltar
com o apoio de