Nome
E-mail
Home | Notícias
Noite grande no Campo Pequeno

No passado dia 13 de Julho, o Grupo de Montemor voltou ao Campo Pequeno numa corrida cheia de simbolismo e sentimento.

A mediática corrida da TVI apresentava um cartel atractivo, Joaquim Bastinhas, João Salgueiro e Vítor Ribeiro, juntamente com os Amadores de Montemor e Lisboa enfrentavam um bem apresentado curro da Herdade de Pégoras que eram lidados pela primeira vez na mais importante praça do país.

A corrida era esperada com ansiedade pelo Grupo e por todos os montemorenses, em tão importante espectáculo a nossa cidade era representada duplamente, um motivo de orgulho mas também de apreensão.

A fardação decorreu em ambiente descontraído e já na praça pode-mos mais uma vez admirar a grandiosidade da Catedral da corrida à portuguesa.

O primeiro toiro da noite saiu bem apresentado e bravo proporcionando bons momentos ao cavaleiro Joaquim Bastinhas. Para pegar como não podia deixar de ser, Pedro Freixo. Brindou ao seu avô e ganadeiro e citou de largo, cedo o toiro se interessou pelo forcado que não demorou em carregar a sua investida, fechou-se com a garra que lhe conhecemos e depois de dois derrotes altos o grupo encerrou com facilidade, uma sorte bem rematada por João José Comenda. Dava-se assim início a uma grande noite para os de Montemor.

Para o nosso segundo da noite foi escolhido o forcado João Mantas, elemento já consagrado mas que também ele fazia a sua estreia no Campo Pequeno. Começou de trás bonito e com presença, ao sentir o forcado o toiro virou-se e arrancou, João ao aperceber-se da investida nobre do oponente mostrou-se com a voz e aguentou a pés juntos. Reuniu como mandam as regras e entrou pelo grupo a dentro que novamente esteve em bom plano, Rodrigo Pietra Torres rematou esta bonita sorte.

O quinto toiro da noite e o nosso último permitiu mais uma vez que Vítor Ribeiro triunfasse, tendo chegado ao final da lide bastante cansado. Para a cara perfilou-se Francisco Mira, mais conhecido por Kikiu, brindou a José Eduardo Moniz e bateu as palmas ao toiro. Este à imagem dos outros assim que viu o forcado deu indícios de querer investir, sinais que o Francisco reconheceu e actuou carregando o toiro, reuniu bem depois de uma investida lenta, mas devido à pouca velocidade que trazia o toiro derrotou forte desfeiteando o forcado. À segunda o forcado da cara deixou descansar mais o toiro conseguindo desta maneira que este imprimisse mais velocidade à sorte, reuniu com vontade e voltou a aguentar duríssimos derrotes, os ajudas liderados por Diogo Campilho encerraram mais uma pega cheia de emoção e dificuldade, bem rematada por João José Comenda.

Os Amadores de Lisboa não tiveram uma noite afortunada e executaram as suas pegas respectivamente à 1ª, 7ª e 3ª tentativas, de realçar a grande pega do nosso amigo Francisco Mira (Pinóchet) ao primeiro toiro dos lisboetas.

Grande triunfo alcançou a ganadaria de Montemor tendo sido o ganadeiro convidado para dar volta à praça, fazendo deste um dos momentos altos da noite, pois em representação da ganadaria de Herdade de Pégoras foi dar volta o elemento Simão da Veiga que desde o dia 10 de Agosto de 2004 nunca mais tinha pisado uma arena, o público reconheceu o momento e emocionado ovacionou de pé.

De parabéns estão também os montemorenses que aderiram em grande número ao espectáculo proporcionando um grande apoio, dando mais sabor ao triunfo alcançado.

A festa não ficou por aqui continuando o convívio no Café In para uma jantarada animada e bem preenchida que como não podia deixar de ser, durou até às tantas.

Rodrigo Corrêa de Sá
20 de Julho de 2006

Fotografias: António Lamas

A concentração na teia

A investida do toiro na altura do brinde

Pedro Freixo pegou o primeiro Pégoras toreado no Campo Pequeno

À primeira tentativa executou uma pega vistosa

O Grupo não teve problemas em encerrar uma bonita sorte

João José Comenda elegante como é seu hábito

João Mantas citou de largo

Realizou também ele uma bonita pega à primeira tentativa

Francisco Cornacho em salto acorbático sobre a trincheira 

Simão da Veiga dá volta à praça em representação da ganadaria de Herdade de Pégoras.

Voltar
com o apoio de