Nome
E-mail
Home | Notícias
Em São Cristóvão os mais novos prestaram provas

No passado dia 15 de Julho, as tradicionais festas de São Cristóvão fez juntar o grupo de Montemor para mais uma corrida, integrada nas respectivas festividades.

Como Cartel, era havido António Telles e Francisco Cortes a cavalo e Luís Vital “Procuna”, a pé. Para serem lidados encontravam-se apartados 6 Veiga Teixeira, cujo peso oscilaram entre os 450kg a 510kg.

Apresentava-se uma corrida séria a pedir entrega a todos os elementos, em especial dos mais novos, pois o casamento do amigo Campilho com a Sofia impedira que o grupo se apresentasse nas suas habituais formações.

Não querendo deixar os créditos por mãos alheias, os mais novos, liderados pelo enorme Cabo Cortes (sim… mas era o filho!!!) arrimaram-se logo no 1º toiro. Após boa lide de António Telles a um toiro muito enérgico, foi para a pega o forcado João Tavares, mais tarde OCEP… Brindando à praça, com um cite calmo e de marcada presença, o João carregou e alegrou um toiro que saíra solto, fechou-se com garra após recuar alguns passos. A rematar a pega  João Caldeira numa bonita rabejação. A destacar a boa ajuda de Filipe Mendes ( a imitar Hugo Melo).

Francisco Cortes andou bem e com ferros de boa nota, diante um exemplar Teixeira a rondar os 500kg. Para o pegar, foi indicado João Cabral. Andou para o toiro, e apercebendo-se que o toiro iria sair logo, deu ao toiro voz de forma a alegrá-lo, conseguindo uma boa reunião, no entanto a tentativa foi malograda após um forte derrote para o lado sem que o 1º Ajuda, JP, tivesse hipótese de ajudar. Na segunda tentativa, respeitando as tradicionais vantagens, o grupo revelou-se coeso nas ajudas, e de notar a excepcional ajuda do JP que deu a justa e merecida volta à praça. A destacar, também, a boa ajuda de Filipe Mendes ( a imitar Hugo Melo).

Ao 4º da ordem, Frederico Manzarra foi o eleito. Um toiro que não se mostrava fácil, o Manzarra teve uma primeira tentativa menos conseguida, frente a um oponente veloz, com pata. Na segunda tentativa, aguentou fortíssimos derrotes, sem que, no entanto, o grupo entrasse e ajudasse. Na terceira tentativa, com o toiro a humilhar muito, a reunião deu-se nas canelas, impedindo-o de se fechar de forma conveniente. É já na quarta tentativa, que com garra, agarrou-se para ficar, contando com ajudas coesas. A rematar, o nosso kikio a rabejar, infelizmente não tão bem como pega de caras…Não se pode deixar de destacar a precisa ajuda de Filipe Mendes ( a imitar  Hugo Melo).

Ao 5º e último do grupo, após lide acertada de Francisco Cortes, perfilou-se João Caldeira. Com um bonito brinde ao aniversariante Noel Cardoso, o Caldeirinha citou de largo o toiro, que prontamente arrancou. O Forcado da cara alegrou, aguentou e fechou-se com alma, com o grupo a ajudar de forma eficaz. A rabejação ficou a cargo do Cabo Zé Maria, que primou pela Excelência. De destacar a boa ajuda de Filipe Mendes (a imitar  Hugo Melo) .

Assim se realizou mais uma corrida tradicional para o grupo, em dia em que o Diogo Campilho e a Sofia selaram o seu destino.

Almograve ( na casa do Hugo Melo),17 de Julho de 2006
Noel Cardoso, mais uma vez superiormente ajudado por Filipe Mendes (novamente, a imitar Hugo Melo)

Nota de redacção: A gestão do site do Grupo de Montemor, aposta que o Filipe Mendes foi o grande mentor na composição desta crónica, tendo tido alguma influência no desenrolar da mesma, chegando mesmo, juntamente com Hugo Melo a pressionar o nosso colaborador Noel Cardoso.

Voltar
com o apoio de