Nome
E-mail
Home | Notícias
Grupo de Montemor inaugura a nova Praça do Soito

Num solarengo Domingo, o grupo de Montemor apresentou-se na raiana localidade do Soito (Sabugal) para a inaugurar a nova praça de Toiros. Espaço polivalente com capacidade para albergar muitos tipos de espectáculos (para além dos taurinos).

Em ambiente de festa, os vários elementos iam degustando as febras e entremeadas com que a organização nos brindou. Alguns, até provaram a famosa sopa de corno da região… E ainda a corrida não tinha começado!

A corrida tinha como cartel os cavaleiros José Manuel Duarte e Ana Bastista; a pé, o novilheiro Mário Miguel, e a rematar, os Amadores de Montemor para enfrentar toiros da Herdade de Pégoras.

Tivemos na fardação a presença de 2 antigos elementos, os Irmãos Lopes, António e Pedro, a fardar e honrar o compromisso que haviam feito duas décadas antes: Pegar o Primeiro Toiro lidado na nova Praça! Também a destacar a primeira fardação de Manuel M. Ramalho, premiado pela dedicação que tem demonstrado.

Já em Praça, José Manuel Duarte lidou bem o 1º toiro, sério e de boa apresentação. Como não podia deixar de ser, agarra no barrete o nosso Tó Lopes, ajudado (1º ajudas) pelo irmão Pedro. Brindou a uma praça de pé e a ovacionar o forcado. Na 1ª tentativa, a gáspea do toiro não permite uma reunião correcta e despeja para o lado o forcado. Na segunda tentativa, com determinação em cada passo que dava, fechou-se com muita vontade apesar de uma reunião menos boa. Rematou a pega, o nosso cabo Rodrigo, com um vistoso rabejar, que não teve réplica a altura…

No 2º toiro da tarde, lidado por Ana Batista, transmitiu e proporcionou bons momentos de toureio diante um exemplar bonito de Pégoras. Desta vez, o forcado Francisco Zenkl foi o escolhido. Num cite “ cá de trás”, andou para o toiro, provocou e teve a pronta resposta do oponente. O toiro arranca com velocidade e derrota o forcado. Na 2º tentativa, Francisco Zenkl carrega e aguenta a investida do adversário, recuando e no momento oportuno e agarra-se para ficar. A reunião menos perfeita não foi o suficiente para que o forcado não ficasse lá. De destacar a valiosa ajuda de Caldeira Amaro.

Mário Miguel, na lide a pé teve pouco afortunado, pois o 3º da ordem partiu um piton, pelo que foi recolhido após o tércio de bandarilhas, e substituído pelo 6º toiro da ordem. Lidou então o toiro com raça e a transmitir ao público.

No 4º toiro da tarde, José Manuel Duarte lidou com correcção o maior toiro da tarde. Para a cara, João Tavares (Peco), avanço com calma e mostrou-se ao toiro. Na 1º tentativa o toiro vem a medi-lo, e com a cara em baixo e atinge o forcado junto dos tornozelos. A pega realiza-se à 4º tentativa, com grande determinação do Peco e com o grupo a saber resolver. A rematar, o quase artístico rabejar de João Cabral.

No quinto e último, lidou Ana Batista o seu último, com elegância e correcção, pena o excesso de ferros, desgastando o toiro para a pega. Frederico Manzarra foi o forcado eleito. Brindou e andou para o toiro com presença, carregou e na altura de se fechar, não esteve correcto na reunião. A complexidade da pega acentuou-se, mas a garra do forcado sobrepôs-se ao problema que tinha por diante e resolveu-se a contenda à 4ª tentativa. A rematar a pega, a estreia de Noel Cardoso a rabejar, e pela qualidade demonstrada, pese a vontade de aprender esta arte, provavelmente seria melhor não voltar a fazê-lo…
 
A encerrar a tarde, Mário Miguel lidou com acerto o sobrero, mostrando o novilheiro açoriano toda a sua classe toureira.
 
E assim foi a inauguração da praça do Soito, véspera de um compromisso sério em Almeirim.

Resta agradecer ao elemento Francisco Cornacho por ter indicado o restaurante que nos serviu um belo rodízio!

Noel Cardoso
30 de Abril de 2006

Uma bonita estátua marca a presença de um novo Tauródromo

Alguns elementos à chegada deslumbrados com a nova praça

Depois do almoço, uma fotografia para recordar

Um banco de luxo, Hugo Melo, Pedro Freixo e Zé Maria Cortes

Os irmãos Lopes cumpriram uma promessa com mais de uma década

O novo elemento Manuel Maria Ramalho

A bonita saída de um toiro de Pégoras

Tó Lopes abriu praça

Com presença cumpriu uma promessa

Depois de uma reunião dura, fechou-se para ficar

A rabejação do cabo Guiga

João Cabral em conversa com Manuel Ramalho

Francisco Zenkl aguenta a investida veloz

A entrada do primeiro ajuda João Caldeira Amaro

Zenkl e Jota, para a fotografia

O bride ao empresário António Morgado

A reunião dura de João Tavares

Mais um momento duro

A boa ajuda de António Dentinho

A  pega dura de Peco

João Cabral rematou a sorte

O cite de Frederico Manzarra

A reunião dura

Francisco Reis numa boa primeira ajuda

Noel Cardoso rematou a última pega

Voltar
com o apoio de